Page tree
Skip to end of metadata
Go to start of metadata

Esta build permite uma chave adicional de log de tempo de resposta elevado de requisições submetidas contra o SGDB em uso pelo DBAccess

SituaçãoUtilização do DBAccess em qualquier SGDB homologado.
OcorrênciaNa identificação de comportamentos de tempo elevado de resposta de determinadas instruções ao SGDB, normalmente é necessário envolver algum tipo de LOG de registros no SGDB, onde existe a dificuldade de associar a origem do statement executado, com o momento da execução, o que torna mais difícil os processos de acompanhamento e levantamento de dados.
Melhoria

Foi criada a configuração MaxOperationTimer, para que o DBAccess registre no log de console (dbconsole.log) um registro diferenciado, para qualquer requisição que o DBAccess submeter ao SGDB, que demorar mais do que o tempo em segundos especificado na configuração. A chave MaxOperationTimer= NNN deve ser inserida na seção [general] do arquivo de configuração do DBAccess (dbccess.ini), onde NNN é o número de segundos a ser considerado. O valor default é 0 (zero).

Por exemplo, ao configurar a chave MaxOperationTimer=20, qualquer requisição de processamento do DBAccess que demorar mais de 20 segundos, será registrada no log de console com o formato "[OPLOG] ThreadID: <thread> Op: <Oper> Ret <nnn> Elapsed time: <nnn.nnn> s.Details: <observ>" , onde é registrada a operação recebida, thread de processamento, tempo de processamento, e algum detalhe adicional da operação executada.

 

Informações adicionais
  • Não há chamado relacionado. Melhoria realizada em conformidade com o processo de melhoria contínua da aplicação.
  • Referente à ocorrência: TEC-6916, TEC-7034
  • Disponível a partir do DBAcces Build 20141119, com data de geração superior a