Child pages
  • Criação Cubo.Net
Skip to end of metadata
Go to start of metadata
Produto:Framework                         Versão: 11.20                                                                     
Processo:Cubo
Subprocesso:Criação de Cubo .Net
Data da publicação:26/07/2013

 
1. Criando a Consulta SQL
Antes de iniciar o desenvolvimento do Cubo .NET, deve-se desenvolver uma consulta SQL que será a responsável por gerar os dados que serão inclusos no Cubo. Essa sentença que iremos inserir a seguir retorna os lançamentos a receber em aberto.

Acesse: Gestão /Consultas SQL / Incluir (CTRL + INS)



SELECT FLAN.IDLAN, FLAN.CODFILIAL, GFILIAL.NOME, FLAN.VALORORIGINAL, FLAN.CODCXA, FCXA.DESCRICAO
FROM FLAN
JOIN FCXA (NOLOCK) ON (FCXA.CODCOLIGADA = FLAN.CODCOLIGADA AND
FCXA.CODCXA = FLAN.CODCXA)
JOIN GFILIAL (NOLOCK) ON (FLAN.CODCOLIGADA = GFILIAL.CODCOLIGADA AND
FLAN.CODFILIAL = GFILIAL.CODFILIAL)
WHERE FLAN.CODCOLIGADA = 1
AND FLAN.PAGREC = 1
AND FLAN.DATABAIXA IS NULL


Dica
O uso do "NOLOCK" nas consultas SQL melhora o desempenho e seu uso é incentivado principalmente nas
consultas de tabelas muito grandes. Este recurso é exclusivo para bases SQL Server.


2. Criando o Cubo .NET.


Acesse: Gestão / Cubo .NET/ Incluir (CTRL + INS)
Nessa etapa, será apresentada a tela com as configurações de criação do Cubo.Net.

 
Os campos Título / Categoria /Fonte de dados / Consulta SQL são obrigatórios.




Clique duas vezes sobre o Cubo .NET criada anteriormente, clique em sim para que o cubo seja atualizado.







Será apresentada a tela do assitente de atualização do Cubo.Net.




Após a execução do assistente de atualização, clique em fechar.



2.1 Configurando a Cubo. NET


Nessa opção encontramos todos os campos disponíveis da consulta. Para começarmos a organizar os dados, basta arrastar os campos para dentro Cubo.






Na opção de formatação dos campos, podemos configurar o totalizador de valores em Média / Total / Quantidade, ainda é possível ordenar, criar e alterar máscara, agregar valor e exibir valores como porcentagem da linha e coluna.


Clique em atualizar para que o cubo atualize a visão e ao mesmo tempo gere um novo registro no histórico.


Todos os dados dos cubos ao serem atualizados são armazenados em um histórico permitindo o acompanhamento e evolução dos números, aumentando assim o poder de gestão da informação e analise gerencial.


Para visualizar os registros gravados no histórico, basta clicar duas vezes sobre o mesmo.



Podemos exportar os Cubos em diversos formatos.



Segue tela do cubo exportado para XLS.



Durante a manipulação do CUBO normalmente agrupamos os dados para representar melhor a análise daquele momento. No RM BIS é possível salvar estes layouts e depois rapidamente voltar a eles, sem ter que refazer todos os agrupamentos: