Skip to end of metadata
Go to start of metadata

Índice


Falando de datasets...

Datasets são componentes que permitem padronizar o acesso às informações provenientes de locais externos à plataforma, tais como aplicativos e banco de dados. Os datasets de alta performance possuem um cache de armazenamento de dados obtidos externamente, que tem como objetivo reduzir o número de acessos aos serviços de dados externos, ou seja, cria uma cópia da estrutura dos dados dentro da plataforma para consulta, aprimorando a performance dos datasets desenvolvidos sobre a plataforma. Desta forma, os dados são consultados na própria plataforma, evitando acessar os dados no sistema provedor externo a cada requisição.

Esse recurso permite criar datasets e definir quais serão offline em dispositivos móveis, quais devem ser sincronizados com o provedor externo de dados, a frequência de sincronização, inativar aqueles que não estiverem mais em uso, entre outras opções.

Os datasets ativos são apresentados com uma cor de fonte mais forte, para se destacarem em relação aos datasets que não estão mais sendo utilizados.

Fique por dentro!

Saiba mais sobre o desenvolvimento de datasets acessando a documentação técnica.




Listar os datasets


01. No menu principal, acionar Painel de Controle, logo depois verificar o agrupador Desenvolvimento e acionar Datasets.

02. Visualizar todos os datasets exibidos na listagem.

É possível pesquisar um dataset específico por meio do campo Buscar, localizado no canto superior direito da janela, ou utilizar o botão Filtrar, para escolher os datasets que serão retornados.


Filtrar dataset


01. Acionar o botão Filtrar, localizado na parte superior direita da tela.

02. Selecione os datasets que deseja visualizar em tela. É possível filtrar por situação (ativos, inativos e/ou em edição) e também por tipo (internos, simples e/ou avançados).

03. Os datasets do(s) tipo(s) escolhido(s) serão listados.


Novo dataset simples


 Visualize o passo a passo


01. Acionar Novo Dataset e selecionar a opção Simples.

02. No campo Código, inserir um código para o dataset.

03. No campo Descrição, inserir uma descrição para o dataset.

Para evitar inconsistências, o código e a descrição do dataset não devem conter caracteres especiais (com exceção de "_" e "-").

04. No campo Serviço, selecione um serviço para o dataset.

Caso não possua nenhum serviço cadastrado, inclua um serviço conforme as orientações contidas aqui.

05. O serviço selecionado pode ser do tipo: SOAP, REST ou JDBC. As opções de preenchimento aparecerão de forma diferente de um para o outro. Preencha os campos de acordo com o serviço selecionado.

    Ao selecionar o tipo de serviço SOAP, preencha os seguintes campos:

    Operação
    Ao selecionar o ícone de lupa, permitirá selecionar uma das operações disponíveis. As operações estarão listadas por Nome e PortType (ColleagueService).

    Configurar
    Nas configurações da operação selecionada, podem ser configuradas as Propriedades, Chaves do Dataset, SOAP Headers e Tratamento retorno.

    Propriedades

    • Autenticação Básica - selecionar se a autenticação for necessária, nesse caso será requisitado usuário e senha.
    • SSL - habilitar quando o serviço SOAP exigir utilização de SSL (camada extra de segurança).
    • Desabilitar Chunking - desabilitar o envio do envelope SOAP inteiro.
    • Listar mensagens SOAP - habilitar para mostrar as mensagens de envio e recebimento no log.
    • Tempo de resposta - habilitar para mostrar o tempo que a requisição aguarda pela resposta.

    Chaves do Dataset

    Permite definir as chaves que serão utilizadas no momento da sincronização offline, para evitar duplicação de registros a cada sincronização.

    SOAP Headers
    Permite adicionar um header (cabeçalho).

    Tratamento Retorno

    • Extrair resultado - permite selecionar esta opção para extrair um relatório em formato XML e incluir uma tag.

    Acionar Salvar para concluir a configuração.

    Parâmetros
    Preencha os parâmetros de acordo com o solicitado:

    Atribuição
    -Nulo, Valor ou Variável (Ao selecionar Nulo, o campo Valor é automaticamente dispensado)

    Valor
    -WKCompany ou WKUser (Será visualizado quando o campo de atribuição for selecionado como Variável).

    Ao selecionar o tipo de serviço REST, preencha os seguintes campos:

    Operação
    Ao selecionar o ícone de lupa, permitirá selecionar uma das operações disponíveis. As operações estarão listadas por Nome, Método(GET) e API.

    Configurar
    Nas configurações da operação selecionada, podem ser configuradas as Propriedades, Chaves do Dataset, Headers e Tratamento retorno.

    Propriedades

    • SSL - habilitar quando o serviço exigir utilização de SSL (camada extra de segurança).
    • Listar mensagens - habilitar para mostrar as mensagens de envio e recebimento no log.
    • Tempo de resposta - habilitar para mostrar o tempo que a requisição aguarda pela resposta.

    Chaves do Dataset

    Permite definir as chaves que serão utilizadas no momento da sincronização offline, para evitar duplicação de registros a cada sincronização.

    Headers

    Permite adicionar um header (cabeçalho).

    Tratamento Retorno

    • Extrair resultado: Permite selecionar esta opção para extrair um relatório em formato JSON e incluir um caminho.

    Acionar Salvar para concluir a configuração.

    Parâmetros
    Preencha os parâmetros de acordo com o solicitado:

    Atribuição
    -Nulo, Valor ou Variável (Ao selecionar Nulo, o campo Valor é automaticamente dispensado)

    Valor
    -WKCompany ou WKUser (Será visualizado quando o campo de atribuição for selecionado como Variável).

    Ao selecionar o tipo de serviço JDBC, preencha os seguintes campos:

    Tabela
    Ao selecionar o ícone de lupa, permitirá selecionar uma das tabelas disponíveis. As operações estarão listadas por Nome e Tipo (Table, View ou Synonym).

    Configurar
    Nas configurações da tabela selecionada, podem ser configuradas algumas propriedades como:

    • Limitar Resultado - habilitar para limitar o número de registros retornados.
    • Campo chave para a tabela - Permite selecionar um campo chave para a tabela, podendo ser: limit ou offset.

    Acionar Salvar para concluir a criação.

    Campos
    Preencha os campos de acordo com o solicitado:

    • Filtros - Permite adicionar filtros para os campos.

    Para criar filtros, é necessário configurar algumas informações. São elas:

    Operação
    Permite selecionar uma das operações disponíveis: AND, OR ou NOT.

    Valor inicial
    Definir um valor inicial. Ex: 1

    Valor final
    Definir um valor final. Ex: 3

    Utilizar Like
    Buscar pelo conteúdo, não exato, mas que contenha parte do valor informado. Basta selecionar Sim ou Não.

    • Retornar - Se necessário, marcar Sim para retornar um valor.
    • Ordenar - Permite ordenar os campos em ordem crescente ou decrescente.

    06. Acionar Salvar.


    Novo dataset avançado


     Visualize o passo a passo


    01. Acionar Novo Dataset e selecionar a opção Avançado.

    02. No campo Código, inserir um código para o dataset.

    03. No campo Descrição, inserir uma descrição para o dataset.

    Para evitar inconsistências, o código e a descrição do dataset não devem conter caracteres especiais (com exceção de "_" e "-").

    04. Acionar a opção Próximo.

    Com isso, será incluído um novo registro de dataset avançado, e será aberta a tela para edição do código-fonte do dataset. O código-fonte será mantido como rascunho enquanto o usuário autenticado acionar a opção Salvar. As alterações de código-fonte só serão aplicadas ao dataset no momento em que o usuário tiver concluído as alterações, acionando o botão Publicar.

    Saiba mais sobre a construção de um dataset avançado acessando a nossa documentação técnica disponível aqui.


    Habilitar dataset offline no mobile


    01. Abrir a tela de Comportamento mobile, acionando o link da coluna Offline mobile.

    02. Na janela apresentada, definir as informações solicitadas.

    A configuração padrão é Não (Off).

    As informações solicitadas são:

    Utilizar cache em dispositivos móveis?

    Quando habilitado, determina que os dados do dataset serão armazenados no cache quando ele é utilizado em dispositivos móveis. Nesse caso, o botão é apresentado com o indicativo ON (sim), informando que o recurso está ativo. Quando acionado para desabilitar o recurso, o botão é apresentado com o indicativo OFF (não), informando que o recurso está desabilitado.

    Tempo de expiração do cache mobile

    Tempo no qual os dados armazenados são considerados válidos e permanecem no cache de dispositivos móveis antes de serem atualizados novamente.

    Não utilizar cache quando o dispositivo mobile estiver online?

    Quando habilitado, determina que não serão consultados os dados em cache quando o dispositivo móvel estiver online, ou seja, serão requisitados do sistema externo.

    03. Acionar Salvar.

    Atenção

    Novos dados criados em dispositivos móveis, quando utilizando o modo offline, só estarão disponíveis para consulta em outros formulários depois que o aplicativo móvel passar por um processo de sincronização com o servidor do fluig. Para entender mais sobre este processo, acesse a página de Sincronização de datasets.

    Para alguns Datasets do tipo Interno este recurso não é disponibilizado.


    Importar dataset


    01. Acionar o botão Importar.

    02. Selecionar o servidor para o qual o dataset será importado.

    O servidor deve estar corretamente cadastrado, conforme as instruções do item Servidores. A importação só irá funcionar se, no servidor selecionado, a instalação do fluig estiver em uma atualização 1.6.5 (Liquid) ou superior.

    Caso já exista um dataset com o mesmo código do dataset importado de outro servidor, a plataforma irá emitir uma mensagem de alerta e, caso o usuário confirme a ação, será criada uma nova versão com a implementação do dataset importado.

    03. Acionar Importar.


    Exportar dataset


    01. Selecionar na listagem o(s) dataset(s) que deve(m) ser exportado(s).

    02. Acionar o botão Exportar.

    03. Selecionar o servidor para o qual o dataset será exportado.

    O servidor deve estar corretamente cadastrado, conforme as instruções do item Servidores. A importação só irá funcionar se, no servidor selecionado, a instalação do fluig estiver em uma atualização 1.6.5 (Liquid) ou superior.

    04. Acionar Exportar.


    Sincronização de datasets


    Os recursos de sincronização se encontram em uma tela específica, que pode ser acessada acionando o link da coluna Sincronização. Para saber mais sobre esse recurso, acesse a página de Sincronização de datasets.


    Mais ações do dataset


    Os datasets apresentam diversas ações específicas, que podem ser conferidas acionando o ícone Barras horizontais, localizado na coluna Mais ações. Para saber mais sobre esses recursos, acesse a página Mais ações de datasets.



    Fique atento!

    Esta documentação é válida a partir da atualização 1.6.5 - Liquid. Se você utiliza uma atualização anterior, ela pode conter informações diferentes das quais você vê na sua plataforma.