Skip to end of metadata
Go to start of metadata

Atenção

Esta página foi revisada para considerar as configurações da atualização 1.5.13 ou inferiores.

Índice


Versões homologadas do SQL Server

Para verificar as versões homologadas do Microsoft SQL Server acesse a Matriz de Portabilidade


Criação do banco de dados

O fluig necessita de uma base de dados com codificação Latin1_General_CI_AS, para criar o banco com esta característica, autentique-se no SQL Server com o usuário que será utilizado pelo fluig e execute o seguinte comando SQL:

CREATE DATABASE nome_do_banco COLLATE Latin1_General_CI_AS;

Onde nome_do_banco é o nome do banco a ser criado.


Outra alternativa para a criação do banco de dados é utilizar o Microsoft SQL Server Management Studio, seguindo o seguintes passos:

    Conecte na instância do SQL Server através Microsoft SQL Server Management Studio, e então clique com o botão direito no mouse na pasta Bancos de Dados e selecione a opção Novo Banco de Dados...

    Ao abrir a tela do assistente, selecione a opção Geral em Selecionar uma página. Em seguida, informe o nome desejado para o banco de dados no campo Nome do banco de dados e selecione o usuário que será utilizado pelo fluig no campo Proprietário.

    Seguindo, selecione a opção Opções em Selecionar uma página. Em seguida, selecione o valor Latin1_General_CI_AS no campo Agrupamento.

    Para finalizar, encontra o opção O Instantâneo de Leitura Confirmada Está Ativo (Is Read Committed Snapsho On em inglês) e altere seu valor para True. Clique no botão OK para finalizar e criar o banco de dados.


    Configuração do banco

    Após a criação do banco de dados é necessário realizar as seguintes verificações:

    Proprietário do Banco

    O usuário utilizado pelo fluig para conexão com o banco de dados deve ser proprietário (db_owner) do banco utilizado pelo fluig. Para verificar qual usuário é o proprietário do banco execute o seguinte comando SQL:


     SELECT suser_sname(owner_sid) FROM sys.databases WHERE name = 'nome_do_banco';

    Onde nome_do_banco é o nome do banco para consulta do proprietário.

    Caso o proprietário do banco não seja o usuário utilizado pelo Fluig para conexão com o banco de dados execute o seguinte comando T-SQL para definir este usuário como proprietário (db_owner):

     USE nome_do_banco EXEC sp_changedbowner 'nome_usuario';

    Onde nome_do_banco é o nome do banco e nome_usuario o usuário que se tornará proprietário do banco de dados.


    Alteração do nível de Isolamento

    Para verificar se a opção de isolamento READ_COMMITTED_SNAPSHOT está habilitado para o banco de dados execute o seguinte comando SQL: 


     SELECT is_read_committed_snapshot_on FROM sys.databases WHERE name= 'nome_do_banco';

    Onde nome_do_banco é o nome do banco para consulta do proprietário.


    Caso o retorno da consulta anterior seja o valor 0 é necessário executar o seguinte comando SQL:

    ALTER DATABASE nome_do_banco SET READ_COMMITTED_SNAPSHOT ON;

    Onde nome_do_banco é o nome do banco de dados a ser utilizado para o fluig.


    Esta operação de alteração do nível de isolamento padrão do SQL Server é realizada automaticamente pelo fluig. Porém é importante atentar para o seguinte fator:

    Na criação do banco de dados, é executada uma ação de alteração na base. É normal visualizar no log algumas mensagens de erro, tratando-se de um processo padrão para atualização. A situação será normalizada após o término da operação.

    Assim que o servidor fluig estiver no ar recomendamos a reinicialização do mesmo.


    SQL Server 2014

    Como você pode verificar na Matriz de Portabilidade, o fluig está homologado para o SQL Server 2014 a partir da atualização 1.6.5 - Liquid.

    Para as atualizações 1.5.13 ou inferiores, caso seja utilizada a versão 2014 ou superior do SQL Server, é necessário alterar o arquivo [Instalação fluig]\jboss\bin\standalone.conf.bat (standalone.conf em ambientes Linux) e incluir a seguinte linha:

      standalone.conf.bat
      set "JAVA_OPTS=%JAVA_OPTS% -Dhibernate.dialect=org.hibernate.dialect.SQLServer2008Dialect"
      standalone.conf
      JAVA_OPTS="$JAVA_OPTS -Dhibernate.dialect=org.hibernate.dialect.SQLServer2008Dialect"

      Além disso, é importante setar o nível de compatibilidade do banco de dados para SQL Server 2012 executando o comando abaixo:

      ALTER DATABASE nome_do_banco 
      SET COMPATIBILITY_LEVEL = 110 

      Este procedimento pode ser realizado através do Microsoft SQL Server Management Studio.