Page tree
Skip to end of metadata
Go to start of metadata

Esta página tem o objetivo de informar um macro escopo do produto e suas funcionalidades.

O TAF está sendo construído respeitando 3 fases:

Primeira fase - Demonstração

Esta fase inicial/ATUAL do projeto tem como finalidade disponibilizar funcionalidades que possibilitem importar um layout Totvs, validar a importação/conteúdo, conferir os dados importados, permitir manutenção das informações, salvar um LOG das manutenção e gerar a saída para o Fisco. 

Para atender o fluxo comentado acima, foi disponibilizado algumas funcionalidades:

1. Cadastros básicos (Auxiliares) - Esses cadastros são chamados de auxiliares pois referem-se às tabelas que o Governo institui com conteúdo pré-definido. Essas tabelas são utilizadas para fazerem relação às movimentações e garantirem as consistência das informações. Podemos citar alguns dentre os 150+ existentes:

      • Escopo Fiscal
        • Origem das mercadorias
        • Cadastro de NCM/NBM
        • Cadastro de Situação Tributária

      • Escopo eSocial
        • Categorias de Trabalhadores
        • Natureza Das Rubricas de Folha de Pagamento
        • Motivos de Afastamento

      •  Escopo Contábil-ECF
        • Período Apuração
        • Códigos de Conta Referencial
        • Natureza Da Subconta

2. Movimentos - Esses cadastros são relacionados as movimentações que serão base para a extração para o Governo. Esses cadastros correspondem as informações necessárias para atender a determinada demanda, e foram otimizados de forma a evitar redundância dentro do produto. Podemos citar alguns dentre os 300+ existentes:

      • Escopo Fiscal
        • Cadastros de Documentos
        • Cadastro de Participantes
        • Cadastro Itens/Serviços

      • Escopo eSocial
        • Eventos Iniciais e de Tabelas (S1000, S1010, S1020 e outros)
        • Eventos Não Periódicos (S2190, S2200, S2205)
        • Eventos Periódicos (S1200, S1210, S1220)

      •  Escopo Contábil-ECF
        • J050-Plano Contas
        • J100-Centro Custo
        • K030-Apuração Irpj/Csll

      • Escopo EFD-Reinf
        • Eventos Iniciais e Tabelas (R-1000 e R-1070)
        • Eventos Não Periódicos (R-3010, R-9000)
        • Eventos Periódicos (R-2010, R-2020, R-2030, R-2040, R-2050, R-2060, R-2098, R-2099)

3. Relatórios - Esse menu disponibiliza os relatórios contemplados pelo sistema, seja ele um Livro Oficial previsto na Legislação ou não. Podemos citar alguns dentre os 13 existentes:

      • Livros Oficiais
        São todos os livros previstos no Convênio 31/99
        • Registro Entradas P1
        • Registro Entradas P1/A
        • Registro Saídas P2
        • Registro Saídas P2/A
        • Registro Prod e Estq P3
        • Registro Inventário P7
        • Livro Lcp P11
        • Listagem de Operações Interestaduais P12
        • Listagem de Operações Interestaduais P15
        • Código de Emitentes P10
        • Recolhimento P14
        • Apuração Icms P9
      • Relatório de Auditoria 
        Este relatório possui integração com a funcionalidade AuditTrail que deve estar habilitada no ambiente para que funcione corretamente.

4. Miscelâneas - Esse menu disponibiliza funcionalidades de resultado, onde tem relação com as movimentações já cadastradas no produto, ou seja:

      • Apurações
        O TAF permite a manutenção e conferência das Apurações dos impostos hoje tratados nos EFDs.
        • Apuração/Sub-apuração do ICMS
        • Apuração do ICMS/ST
        • Apuração do IPI
      • Integração
        Neste tópico encontraremos as funcionalidades de integração do TAF, podendo ser via arquivo texto( Proc. Layout Taf - Txt ) ou no modelo recomendado banco-a-banco( Processamento Automático ou Manual ). Também está disponível o Gerenciador de Integrações que permite se efetuar:
        • Exclusões por Período;
        • Validação de regra de layout;
        • Manutenção cadastral direcionada e;
        • Rastro das integrações.
      • Arqs Magnéticos
        Permite gerar através da funcionalidade Central de Obrigações  as funcionalidade pertencentes ao escopo do TAF.
        • Sintegra Nacional( Convênio 31/99 )
          • Atualizado até o Convênio 73/13

        • Gnre Online - Geração do arquivo Xml para as UFs referenciadas ( Geração de arquivo físico para importação no site da Receita )
          • Atualizado até o Ajuste SINIEF 01, de 26/03/2010
          • Ajuste SINIEF 11, de 4/12/2015 

        • Escrituração Contábil Fiscal
          • Atualizado até a versão 5.0.9

        • Guia de Informações da Apuração ICMS SP( GIA/SP ) 
          • Atualizado até a versão v0210_0801

        • Declaração de Informações Econômico-Fiscais do Ceará ( DIEF/CE ) 
          • Atualizado até a versão 6.0

        • DECLAN/RJ
          • Atualizado até a versão 3.2.0.0

        • Declaração Fisco-Contábil e guia de Informação - PR (DFC e GI/PR)
          • Atualizado até a versão 26.0

        • Declaração de Apuração e Informações do ICMS - MG (DAPI-MG)
          • Atualizado até a versão 9.01.00

        • DFC/PR 
        • Guia de Informações da Apuração ICMS - RJ (GIA-RJ)
        • Guia de Informações da Apuração ICMS - RS (GIA-RS)
        • Guia Informativa Mensal - RN (GIM/RN)

        • EFD Reinf
          • Atualizada até a versão 1.4
          • O novo leiaute 2.0 entrará em  produção a partir da competência  janeiro de 2020


Obrigações a serem refaturadas

  • EFD ICMS/IPI( SPED Fiscal )
    • A partir do release 12.1.29

  • EFD Contribuições
    • A partir do release 12.1.29


Segunda Fase - Apuração de tributos

Esta fase é sequencia da anterior, e tem como objetivo fornecer recursos que permitam efetuar Apurações dos tributos como ICMS/ST, PIS/Cofins e IRPJ/CSLL de forma automática utilizando toda a movimentação disponibilizada em sua base de dados; oriundas de ERPs TOTVS ou qualquer outro de mercado.


Terceira Fase - Cálculos

Esta é a última fase de evolução do Produto, e contemplará todos os componentes de cálculos necessários para atender todas as particularidades do regime tributário Nacional e Internacional quanto a emissão dos documentos fiscais exigidos pelo Governo. A proposta é o TAF efetuar esses cálculos na manutenção das informações de sua base de dados, e/ou fornecer serviços integráveis a qualquer sistema.