Child pages
  • FAQ - TOTVS License Server Virtual
Skip to end of metadata
Go to start of metadata

A conexão à internet do License Server Virtual expõe os dados da minha empresa?

O License Server utiliza o mesmo tipo de conexão que sua empresa utiliza para por exemplo, emitir uma nota fiscal eletronica, enviar os dados da declaração de imposto de renda e/ou realizar o pagamento de títulos bancários utilizando o Internet Banking. Todos os dados trafegados são criptografados e a conexão é iniciada pelo License Server(OutBound), não havendo necessidade de uma conexão externa acesse o License Server ( InBound ). Some a isto o fato que somente o hardware em que o License Server esta instalado, precisa de acesso à internet. Portanto, a conexão é totalmente segura.

Ao clicar no botão “Gerar Instalação” cria um código para o ambiente Produção ou ambiente Teste?

O número de instalação (TOTVS ID) é único para ambos (ambiente Produção ou Teste). O processo de instalação é que deve ser feito primeiro no ambiente de Testes e depois de validado refeito no ambiente de Produção.

Sou obrigado a realizar esta atualização?

A TOTVS manterá as duas versões do LS funcionando por um tempo (não simultaneamente). Mas sim, em algum momento a atualização será necessária.

Qual a especificação do Servidor para o License Server?

Clientes Cloud hospedam o serviço na TOTVS, os demais clientes precisam manter um servidor onde rodará o software License Server. É possível aproveitar o mesmo servidor que está em uso. Mas a nova tecnologia elimina a necessidade de um dispositivo físico conectado a este servidor (hardlock). A especificação do servidor pode ser consultada aqui: http://tdn.totvs.com/display/framework/TOTVS+%7C+License+Server+Virtual

Sou obrigado a enviar o Log de Uso?

A linha “Porte da empresa, como as informações sobre volume de vendas e funcionários” é opcional. Para desmarcar, decline o EULA e ele será apresentado novamente com esta linha editável. As demais informações são obrigatórias. Reforçamos que estes dados são apenas para análise do perfil do uso do software. Eles são necessário para implementação a médio prazo de melhorias no nosso atendimento (informações preenchidas automaticamente, mapeamento dos pacotes de atualização relevantes para o cliente, entre outras), acertividade no Roadmap, priorização de inovações relevantes e ofertas personalizadas a necessidade dos clientes.

Receberei uma cópia do EULA?

Uma cópia do EULA será enviada por e-mail para o cliente (email do usuário logado).

Como atualizar o cadastro do Administrador do Portal / Somente o Administrador do Portal pode aceitar o EULA?

Somente o Administrador do Portal pode aceitar o EULA. Caso seja necessária alguma atualização do cadastro, ligue 4003-0015, opção 7. Você receberá todas as instruções para a alteração pelo telefone.

Dica: caso o mesmo usuário seja responsável por mais de uma empresa, pode utilizar o ícone Trocar Empresa para selecionar.

O que significa EULA?

EULA (End-user license agreement) ou em português simplesmente "Aceite" para uma atualização de software

Como a licença será validada on-line, se ficar sem conexão internet ficarei sem acesso ao software TOTVS?

Não se preocupe, não haverá parada, exceto se ficar vários dias sem nenhuma conexão. Basicamente o LS tenta uma vez por dia ou até conseguir e existe uma tolerância de alguns dias para casos de indisponibilidade temporária de conexão.

Erro: Falha ao transmitir os dados para a TOTVS. Totvs License Server - TotvsID BLOQUEADO

O Novo LS não permite que um TOTVSId utilizado anteriormente, seja utilizado em uma nova instalação. Se precisar instalar o LS em outro hardware ou porta, será necessário um novo TOTVSId.

Quantas licenças TOTVS Tec (TOP/DbAccess) Processor preciso ter em meu servidor de licenças? 

A comercialização de TOTVS Tec pode ser por núcleo de processamento do equipamento onde estiver instalado o DBMS (DataBase Management System) ou por usuário.
No caso do Processor, as modalidades de comercialização contemplam servidores com núcleos de processamento single e multi core, conforme tabela abaixo:


TOTVS TEC USER

Comercializado por INSTÂNCIA SIMULTÂNEA/CONCORRENTE (USUÁRIO).

Para cada usuário de Software, há a necessidade de um usuário TOTVS TEC USER

TOTVS TEC SINGLE COREUtilizado em qualquer plataforma, com processadores de núcleo único
TOTVS TEC X86 MULTICOREComercializado por CORE em Plataforma Intel
TOTVS TEC MULTICOREComercializado por CORE para outras Plataformas (Ex: Risc e Epic)


(*) Core ou MultiCore é uma característica dos processados que permite distribuir a carga de processamento dos sistemas. Muitos processadores modernos fazem uso desta tecnologia para melhorar o desempenho. Outra tecnologia relevante é a Hyper-Threading que usa os recursos do processador com mais eficiência, permitindo que múltiplos threads sejam executados em cada núcleo. Saber a característica do processador do equipamento onde estiver instalador o DBMS (DataBase Management System) é importante para o cálculo do número de licenças por núcleo de processamento do TOTVS TEC. A contagem do licenciamento não leva em consideração o a tecnologia Hyper-Threading, apesar de muito Sistemas Operacionais exibirem esta tecnologia em conjunto com a tecnologia MultiCore. Recomenda-se a análise da documentação do processador a fim de encontrar o número correto de Cores de cada um dos processadores e com base nesta informação, realizar a comercialização do produto, através da formula: Número de processadores * Número de Cores.

Após aceitar o EULA no Portal do Cliente, fica travado na tela com a informação "Carregando instalações"

É necessário confirmar se a empresa na qual você se logou no Portal do Cliente, é a mesma que você possui o contrato SMS. Caso não seja, é necessário logar novamente com esta empresa, e efetuar o procedimento logado nela.

Após instalação, não carrega todas as licenças que o cliente possui

Uma das causas prováveis para este problema é que o cliente esteja na modalidade de contrato antiga (anterior a 2009) e precisará de uma adequação no seu contrato, neste caso deve contatar o seu Executivo de Relacionamento para as providências necessárias.

Mensagem de Licenças EXCEDIDAS

Quando o cliente tenta acessar uma rotina, e aparece mensagem de Licenças Excedidas, deve-se primeiramente abrir o Monitor de Licenças do LSVirtual e verificar, na aba Uso de Licenças, se existem licenças daquele módulo (ou licenças Full, se a licença escalar para Full) disponíveis. Caso verifique que a coluna Em Uso está com todas as licenças da coluna Total, abra o Totvs Developer Studio, utilize o TOTVS Application Monitor (ou o antigo Totvs Monitor), e confirme os usuários que estão utilizando aquele módulo. Pode ser que realmente os usuários estejam consumindo todas as licenças, então é recomendável entrar em contato com seu EAR (Executivo de Atendimento e Relacionamento) afim de adequar o dimensionamento de usuários e licenças.

Contudo, se notar algum problema no consumo de licenças, abra um chamado para a equipe de Framework do produto que está utilizando.

Outra possibilidade é você estar vendo mensagem de licenças excedidas em qualquer rotina/módulo que esteja tentando acessar. Neste caso, seguem as verificações que devem ser feitas:

- Confirme se o seu Servidor de Aplicação está apontando corretamente para o IP e Porta do LSVirtual
- Confirme se o serviço do LSVirtual está no ar (verificar pelo sistema operacional) 
- Confirme se as licenças estão atualizadas (abra o Monitor de Licenças, clique no ícone em forma de balão de diálogo no canto superior direito, e confirme a "Data de vencimento da autorização de uso". Se estiver vencido é porque seu LSVirtual não está se comunicando pela internet. Verifique sua conexão.
- Confirme se as licenças estão listadas no LSVirtual. Se a licença que você está tentando acessar não está listada, acesse o Portal do Cliente / Gestão de Licenças, na aba Licenças, e confirme se a licença está no seu contrato. Caso positivo, confirme se ela está atrelada ao Totvs ID que está no seu LSVirtual, e clique em Salvar. Após isso, abra o Monitor de Licenças e clique no ícone em forma de antena para uma atualização manual das licenças.

Se a mensagem de Licenças Excedidas for "TopConnect: Excedeu Licenças", seu problema tem a ver com as licenças de DBAccess. Neste caso, seguem as verificações que devem ser feitas:
- Abra o DBAccess Monitor, e verifique, na aba Informações, para quantos usuários está registrado (ou para quantos Processadores. Se estiver registrado para 2 usuários, o DBAccess não pegou licenças no LSVirtual 
- Abra a aba Configurações/Gerais, e confirme se o Servidor de Licenças está apontado para o IP e Porta corretos do LSVirtual. Caso esteja incorreto, corrija, clique em Salvar, e reinicie o DBAccess
- Se o DBAccess estiver apontando corretamente para o LSVirtual, abra o Monitor de Licenças do LSVirtual, e verifique, na tela principal, se estão listadas as licenças de DBAccess. Se não estiverem, acesse o Portal do Cliente / Gestão de Licenças, aba Licenças, clique sobre a licença DBAccess, e distribua a mesma para o Totvs ID que você está utilizando no LSVirtual. Após distribuir, clique em Salvar, e então, no Monitor de Licenças do LSVirtual, clique no ícone em forma de antena, espere sincronizar, e então clique para atualizar a tela. Após aparecerem as licenças DBAccess, reinicie o DBAccess.

Estou ainda trabalhando com Hardlock, e em processo de migração do novo LSVirtual, em que momento sei que preciso desativar o Hardlock?

Após ativar o LSVirtual, não será mais liberado um novo arquivo de licenças (totvslic.key). Então, quando vencer a data de validade deste arquivo, o servidor de licenças com hardlock não poderá mais ser utilizado. Desta forma, a recomendação, quando você for começar a migrar para o LSVirtual, é fazer uma renovação do totvslic.key, pelo Autoatendimento CST, ou através de abertura de chamado para o CST-Senhas, e então quando receber o novo arquivo, ativar o LSVirtual. O prazo atual do arquivo de licenças é 4 meses, então você terá esse período para homologar o LSVirtual com o servidor de licenças com hardlock ainda em funcionamento.

Quando estou realizando processo de instalação do ID meu sistema irá parar?

Não. Se você estiver instalando o LSVirtual em um servidor diferente do atual com hardlock, até as mesmas portas podem ser utilizadas. Porém, se você estiver instalando o LSVirtual no mesmo servidor físico do servidor de licenças atual, deve tomar o cuidado de não utilizar as mesmas portas e o mesmo nome de serviço do seu Servidor de Licenças atual, pois pode ocasionar conflito e derrubar o servidor de licenças. Escolhendo o nome do serviço e as portas diferentes, ao término da instalação, você pode carregar as licenças no Monitor de Licenças, confirmando que a instalação finalizou com sucesso. A partir daí, você só vai precisar parar o sistema apenas para reiniciar e reconhecer o novo apontamento de IP e Porta que você deve configurar no Servidor de Aplicação, apontando para o novo LSVirtual.

Quantas vezes e por quanto tempo posso utilizar o arquivo de emergência (emergergency.key)?

O arquivo de emergência é utilizado em situações onde exista alguma falha na liberação de licenças. Ele pode ser adquirido através do Portal do Cliente, no Autoatendimento CST: https://totvscst.zendesk.com/hc/pt-br/#/liberacaoacessoemergencial

Ele é válido por apenas 1 dia (o dia em que ele foi gerado), sendo necessária uma nova geração para cada dia que for necessário utilizá-lo.
Por padrão, sua utilização está limitada a 5 gerações a cada 3 meses.

Qual a diferença entre as instalações do tipo Produção, Homologação e Desenvolvimento?

As licenças do License Server Virtual podem ser configuradas para utilização em 3 tipos de instalação: Produção, Homologação e Desenvolvimento.

Ambiente de Produção:

Um ambiente controlado contendo os itens de configuração em produção usados para entregar serviços de TI para clientes. No contexto mais amplo, é o ambiente onde os usuários realizam suas operações reais.

A distribuição de licenças é feita com base na modalidade de licenciamento e é permitido que o cliente tenha mais de um ambiente de produção, desde que o total de licenças, conforme a modalidade não seja ultrapassado, somando-se todos os ambientes (Produção e Desenvolvimento).


Ambiente de Homologação:
É o ambiente onde o cliente deverá testar as funcionalidades do sistema que serão posteriormente colocadas em produção ou refeitas, caso não ocorra a aprovação por parte deste cliente. Lembrando que este ambiente não é o servidor de testes para os desenvolvedores. O servidor a ser utilizado como ambiente de aceite, deverá possuir configuração similar ao utilizado como ambiente de produção, inclusive, com atualização constante dos registros existentes em produção, para que o cliente possa simular situações muito próximas das que encontrará no seu dia a dia.

A distribuição de licenças para este ambiente é feita automaticamente conforme a modalidade.


Ambiente de Desenvolvimento:
Um ambiente usado para criar ou modificar um serviço de TI ou aplicativos. Ambientes de desenvolvimento não são normalmente sujeitos ao mesmo nível de controle como os ambientes de teste ou ambientes de produção.

A distribuição de licenças é realizada da mesma forma que o ambiente de Produção.